OPINIãO

Get a Grip! Controle a operação de sua padaria

Escrito por Pedro Marchi
21 de março de 2019

Olá meus caros! Para meu primeiro artigo aqui no Massa Madre Blog, gostaria de refletir um pouco sobre gestão de pessoas, projetos e fluxos dentro do uma operação de padaria. Esse assunto ainda me deixa de cabelo em pé algumas vezes na rotina do meu trabalho e tento lidar com os problemas analisando a situação e aplicando alguns conceitos básicos.

1.   Objetividade

Objetividade é um substantivo feminino que caracteriza a qualidade, caráter ou condição do que é objetivo dando assim uma representação fiel dele. Difícil? Então vamos por frações. Essa característica diz respeito aos caminhos que podemos ou, em algumas situações, devemos tomar para obter resolução a algum ocorrido – sim, vou tentar ao máximo evitar o uso da palavra problema, mas geralmente falamos das pequenas provações que aparecem no dia a dia da operação de um negócio.

Basicamente digo para encarar as situações com a cabeça erguida e com foco no resultado. Parece fácil de execução e entendimento, mas garanto que é mais difícil do que parece.

Ter objetividade nas resoluções do dia a dia significa encarar as situações e tentar sanar as dificuldades, muitas vezes tendemos a deixar esta para o próximo encarregado ou colocar na conta do gerente ou, até mesmo – e o pior na minha opinião – transmitir isso para sua produção e operadores.

Se alguém tem culpa esta deve ser assumida e deve haver punição, no entanto, desgastes, depreciações e projetos mal executados dificilmente são da alçada do padeiro, confeiteiro, atendente de caixa, dentre outros.

Simplificando: não fuja da dificuldade! Encare-a e tire proveito, aprenda com ela e progrida junto ao seu negócio ou dentro da sua função.

2.   Trato

Falamos acima que os colaboradores não devem ser sugados para o mundo das aflições administrativas. Todavia, e se acontecer de eles terem causado a aflição? Nesse caso creio que o primeiro passo é definir uma linha e perfil de contratação para que a vaga venha a ser preenchida pelo melhor candidato. Mas e se isso não ocorrer?

Existem dois caminhos que podem ser tomados, o primeiro – e pessoalmente meu favorito e o mais difícil – é o do desenvolvimento pessoal. Trata-se de desenvolver as habilidades do colaborador e as maneiras de atuação de que ele venha a ser parte integrante da operação. O segundo é a temida demissão, infelizmente algumas pessoas não vão se encaixar nos moldes da empresa e para elas não há saída.

No entanto, o trato envolve muito mais que habilidade do colaborador e se ele serve ou não para exercer a função que lhe foi dada. Trato envolve o relacionamento interpessoal dentro do ambiente de trabalho e para isso não há manual ou saída.

Gosto de conversar com os colaboradores e saber como anda a vida profissional de todos que me cercam, sempre mantenho firmeza nas opiniões expostas e em como devemos tratar o próximo.

Trabalhar com bom humor é essencial, mas nada que envolva ofensa entre colaboradores. Aprendi com custo que os trabalhadores no meio de padaria são diferentes daqueles do ramo gastronômico. Diferentemente de cozinheiros com os quais aprendi a ser curto e grosso, com padeiros e confeiteiros a explanação, o pedido e apresentação de críticas deve vir de maneira clara, mas não abrupta.

3.   Sinceridade

Seja sincero com a qualidade empregada na produção da padaria e avalie os produtos com olhos de cliente. Isso vale tanto se você for um coordenador de produção ou se estiver me dirigindo ao dono. Nosso produto é bom, mas sempre pode ser melhorado e aprimorado. Onisciência é um traço divino e creio que nunca um bom profissional da área de alimentação vai estar completamente satisfeito tanto com o produto ou com o conhecimento agregado ao fazê-lo.

4.   Inspire-se

Busque novidades! Invista em você, faça pesquisas, cursos, viagens, dentre tantos outros que podem agregar na maneira como você vê e produz seu produto. Mais importante que isso é cativar a equipe a buscar novidades. Acenda a chama do aprender nos colaboradores, isso facilitará muito a vida do gestor.

Para as próximas colunas vamos falar sobre as operações do processo produtivo e dissertar sobre custeio.

Espero ter cativado vocês! Um abraço e até a próxima!

AVISO LEGAL | DISCLAIMER Todas as OPINIÕES não expressam particularmente a opinião do MMB e/ou empresas associadas, mas tão somente de quem as escreveu/emitiu. Para maiores informações, consulte também Termos de Uso do MMB.


Massa Madre News


CURIOSIDADES

Como as novas tendências na alimentação estão impactando as padarias?
Tendências na alimentação. Descubra quais são as novas tendências na alimentação e como cada uma delas impacta o funcionamento da sua padaria!
Massa Madre Blog

CURIOSIDADES

Como montar um delivery na padaria?
Se você quer expandir o seu negócio e pensa em oferecer delivery na padaria, neste artigo mostramos como a escolha por esse modelo pode aumentar o seu faturamento!
Massa Madre Blog

CURIOSIDADES

Shelf life de alimentos: saiba o que é e como pode te ajudar
Shelf life se refere ao tempo de prateleira de um alimento. Ou seja, ele é o cálculo do tempo por que determinado produto pode ficar armazenado ou na prateleira da sua loja sem ter a integridade prejudicada.
Massa Madre Blog

KNOW-HOW

Reflexões produtivas de produção
Um artigo sobre os processos produtivos dentro do dia a dia da padaria.
Pedro Marchi

KNOW-HOW

Qual a Pizza do seu desejo?
Um texto sobre técnicas diferentes e consciência sobre o negócio da pizza.
Ricardo Gonzaga